A energia sexual e o conhecimento tântrico

A Energia Sexual no dia a dia

Hoje em dia todo mundo está falando sobre aumentar a vitalidade através de um sono melhor, alimentação melhor e exercícios. Assim para quem engaja em atividades do tipo, a última coisa que vai querer fazer é desperdiçar energia. Por outro lado sua energia pode ser seqüestrada de muitas maneiras. A principal forma de desperdício é praticamente uma obsessão para muitas pessoas. Em suma, através da energia sexual.

Quando não estamos fazendo sexo, estamos pensando nisso. E mesmo quando não pensamos que estamos pensando nisso, freqüentemente ainda pensamos nisso. Por exemplo, quando passamos tempo tentando melhorar a nossa aparência física, a atratividade sexual é muitas vezes a nossa motivação subjacente, mesmo que inconsciente.

Do ponto de vista evolutivo, faz sentido colocarmos tanta energia em sexo. Afinal, sem sexo, a espécie humana teria sido um suspiro evolutivo. De um ponto de vista individual, porém, há dois problemas com dedicar tanta energia ao sexo. O primeiro segue do simples fato de que sua energia é um recurso finito. Quanto mais você alocar para o sexo, menos você vai ter para alocar em outros aspectos da vida.

A Energia Sexual e o ciclo hormonal

Energia SexualA grande sacada do Tantra está em como sublimar essa energia. Na sociedade patriarcal, os pugilistas e até mesmo equipes inteiras na Copa do mundo se abstêm de sexo antes de competições. Muhammad Ali disse ter evitado sexo por seis semanas antes de uma luta de boxe!

Atenção: normalmente as pessoas associam orgasmos com ejaculação –principalmente no homem. Ejacular não é o mesmo que experimentar ou ter orgasmos.

Efeitos hormonais nos homens

A ciência entende o problema específico para os homens com relação aos efeitos bioquímicos da ejaculação sobre o corpo masculino. Depois que os homens ejaculam, o corpo produz prolactina, o que causa sono. A prolactina também neutraliza outro hormônio, a dopamina, o que traz sensação de bem estar. É por isso que muitas vezes os homens sentem cansaço e às vezes ficam deprimidos após o sexo.

Efeitos hormonais nas mulheres

As mulheres produzem prolactina depois de ejacular, mas em um grau muito menor. Para elas, a ejaculação produz uma série de efeitos bioquímicos positivos. Primeiro, a produção do cortisol diminui corpo do estresse-e inflamação-causando cortisol hormônio é abaixada. Em segundo lugar, as ejaculações aumentam a produção do corpo do neurotransmissor da serotonina (melhorando o humor), e a ocitocina (hormônio da felicidade). A ocitonina melhora a produção de estrogênio.

Como começo a lidar melhor com a energia sexual?

Para minimizar os efeitos da ejaculação sobre os homens e maximizar seus efeitos sobre as mulheres, os homens podem começar limitando a uma ejaculação por semana e as mulheres procurem orgasmos genitais mais freqüentes – pelo menos dois por semana.

No Bulletproof Radio, um podcast de alta performance, este conselho foi dado. E os ouvintes relataram grande sucesso. Um dos ouvintes encontrou a energia para iniciar uma empresa que estava sonhando por anos. Outro ouvinte, que estava em seus 20 e poucos anos, recebeu um aumento US$60.000 sessenta dias depois que ele começou a seguir esse conselho.

O Tantra e a Ciência dos Orgasmos

Aprendendo a ter orgasmos sem ejaculação (para homens) e aprendendo a ejacular através do orgasmo (para mulheres)

É possível aprender a ter uma vida sexualmente integrada: a energia sexual como propulsora de uma vida com mais plenitude, dinamismo e vitalidade. Se você faz parte de um casal, é interessante ingressar em uma vivência tântrica com seu cônjuge ou parceiro.

O Tantra oferece vivências incríveis para solteiros também. A vivência da massagem tântrica ou o curso de massagem tântrica são opções sensacionais para começar a praticar o Tantra em sua vida.

Deixe uma resposta